Me Leva Pra Sua Casa

Me leva pra sua casa.

Vamos esquecer o mundo lá fora

E ficar lá dentro, fazendo nada

E tudo

 

Vamos ficar olhando um para a cara do outro

O dia inteiro fazendo caretas, fazendo carinho

E quem sabe o almoço e a janta

Ou a gente pede pra entregar

 

Mas me leva, sério

A gente joga vídeo game

Assiste a um filme, algum desenho

Dorme porque o filme é chato

E estamos cansados da semana toda

E realmente precisamos de um dia desses

 

Eu não vou te acordar, sei que você detesta isso

Além do que, prefiro vigiar seu sono

Ver cada linha que forma o seu rosto

E ver as linhas das partes que sua roupa não cobre

Principalmente as do seu pescoço e as da sua boca

 

Me leva a hora que você quiser

Deixa que eu preparo o café, asso o pão de queijo

E limpo a bagunça do almoço

Eu só preciso ficar com você

Te sentir o quanto eu conseguir

Porque amanhã a gente volta pra nossa rotina maluca

 

Então, me leva pra sua casa

Por um dia

Por uma noite

Ou pela vida toda

 

Eu prometo (por inteiro) fazer mais que o meu melhor

Por nós, por você e por mim

E vou sorrir quando você prometer também

Porque sei que você sente tão profundamente quanto eu

Que não tenho medo de mergulhar e me afogar em você

 

Me leva pra ficar do seu lado

Nos nossos momentos individuais e conjuntos de glória

Durante a tempestade, sua e minha

Quando todo o mundo parecer acabar

E, aqui, façamos um trato: basta segurarmos as mãos com força e confiarmos um no outro

Sempre juntos, a tempestade vai passar

 

Me leva pra sua casa

Vamos ver o pôr do sol na laje

Ficar grudado sobre o crepúsculo da cidade

Sentindo a brisa do fim da tarde

Ouvindo e cantarolando a música que toca baixinho do seu celular

Como se ela fosse nossa e feita para nós

 

Me leva pra dançar sobre a luz da lua

Num compasso lento e delicado

Depois eu peço uma pizza

 

Me leva pro seu lar

Deixa o mundo acabar lá fora

E vamos criar o nosso pequeno castelo

Você e eu

Pro dia nascer feliz

 

Então, me leva pra sua casa

Seja simples e direta, você sabe que sou meio devagar

Por isso, se você quiser, deixo a métrica um pouco de lado

Você me leva com você

E faz comigo, o que bem quiser

(Visited 9 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *